Cazuza, vítima de uma reportagem

Por Oswaldo Coimbra (*)

Há um episódio na biografia de Cazuza relacionado com Belém não reconstituído pelos pesquisadores que escreveram sobre o artista. Ocorreu antes da célebre entrevista concedida por ele à Marília Gabriela, durante a qual Cazuza admitiu publicamente que estava contaminado por AIDS. Naquele final dos anos de 1980, tal admissão se constituía numa atitude corajosa porque a doença ainda era cercada de muito preconceito.

Pouca gente sabe que antes da entrevista, num show em nossa capital, o cantor se feriu e começou a sangrar. Levado ao Incor, um hospital que já não existe mais, ele deixou impressionados e comovidos médicos e enfermeiras com sua preocupação em evitar o contato com o sangue dele, pois não queria que aqueles paraenses também se contaminassem. Estes profissionais de Belém puderam, assim, saber da doença de Cazuza, antes dos outros brasileiros.

Com cuidado semelhante o cantor não pôde contar quando, meses…

Ver o post original 615 mais palavras

Anúncios

Sobre florencio1

um homem simples
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s